Anúncio

TAEs realizam nova manifestação em frente ao MPOG

A manifestação teve por objetivo chamar a atenção da sociedade para a luta da categoria, que completou 45 dias de greve, e exigir do Governo Federal que atenda às reivindicações da pauta da Campanha Salarial Emergencial 2011, que incluem a elevação do piso salarial da categoria para três salários mínimos, step de 5%, reavaliação do vencimento básico complementar, recursos orçamentários para a carreira e a retirada da pauta de votações do Congresso Nacional de Projetos de Lei que reduzam direitos adquiridos pelo funcionalismo, entre outros pontos.

Com vuvuzelas, instrumentos de percussão, apitos e com narizes de palhaços, o CNG chamou a atenção dos transeuntes e funcionários do MPOG, sendo que alguns até deixaram os locais de trabalho para participar da manifestação, outros fizeram questão de cumprimentar a categoria pela determinação e garra de lutar por melhoria salarial.

Reunião – Coordenadores da FASUBRA tiveram que deixar a mobilização para participar da reunião ocorrida entre o Secretário de Recursos Humanos do MPOG, Duvanier Paiva, e o conjunto dos servidores públicos federais na qual foram tratados assuntos da pauta geral de reivindicações do funcionalismo. O encontro foi marcado pelo Ministério na semana passada e a expectativa do conjunto dos servidores era que o governo apresentasse o montante orçamentário disponível para atender as demandas dos servidores e estabelecesse as prioridades.

Além da FASUBRA Sindical, participaram da reunião representantes do Sinasefe, UNAFISCO, Sindifisco, CUT, CTB, CONLUTAS e Intersindical. Até o fechamento desta matéria a reunião ainda havia sido concluída. Nesta quinta-feira (22), tão logo seja produzido o relatório da reunião pelos coordenadores da FASUBRA, o mesmo será disponibilizado no site da Federação.

Texto: Assessoria de Comunicação da FASUBRA Sindical

Postar um comentário

0 Comentários