Anúncio

Executivo do Facebook planejou Google+




Paul e seu livro proibido pelo Google:



São Paulo - Paul Adams é considerado o pai da ideia dos círculos de relacionamento, que é a base do Google+.



Ele escreveu o livro Social Circles, sobre o assunto, com
autorização do Google, onde trabalhou até janeiro. O livro chegou a ser
anunciado na loja Amazon, ainda antes do lançamento. Mas Adams é, agora,
gerente de produto do Facebook. E o Google cancelou a permissão para
publicação do livro.



Num artigo em seu blog Think Outside In, Adams conta por que saiu do
Google. “Havia uma oportunidade no Facebook que eu não podia recusar”,
diz. Ele afirma que o Google é uma empresa de engenheiros. Ele, um
estudioso das relações sociais, não tinha muita voz lá. “O Google
valoriza a tecnologia; não a ciência social”, diz. Adams ainda reclama
que o Google mudou com o tempo: “Ficou muito mais burocrático e
político.” Continue lendo...

Fonte. INFO

Postar um comentário

0 Comentários