Anúncio

Facebook apaga páginas que apoiavam Bolsonaro


É sabível que as páginas de Bolsonaro tem um forte engajamento nas mídias sociais. Só para ter uma ideia as Lives de Bolsonaro, no Facebook, atingem mais de 150 mil visualizações logo nos primeiros minutos da sua entrada ao vivo. Enquanto isso seu adversário dificilmente consegue bater 10% desse total (pelo menos nas últimas lives que acompanhamos, isso não ocorreu).

Entre as páginas excluídas pelo Facebook estão MCC – Movimento Contra Corrupção, TV Revolta, Folha Política, Política na Rede, Portal Curió, Humor 13, Gazeta Social, Correio do Poder e Ficha Social e também algumas páginas de apoio ao juiz Sérgio Moro.

As páginas não foram excluídas por publicarem fake news ou algo do tipo. E sim, pois o Facebook alega que os responsáveis por essas páginas usavam contas falsas ou múltiplas contas com os mesmos nomes, violando políticas de autenticidade e de spam.

A pergunta que fica é: Será ser o Facebook está tentando dar aquela "mãozinha" para ver se diminui o engajamento da página de Jair Messias Bolsonaro?

Não custa nada lembrar que em Julho deste ano (2018) o Facebook já tinha removido dezenas de páginas de direita no Brasil, a ponto do MPF cobrar explicações da empresa, conforme vê-se neste link: https://goo.gl/xUMVf1 COMPARANDO O ENGAJAMENTO DAS PÁGINAS DOS DOS PRESIDENCIÁVEIS: Segundo dados do Facebook, atualmente a fanpage de Jair Bolsonaro tem mais de 7 milhões e 800 mil curtidas. Enquanto a fanpage de Fernando Haddad tem pouco mais de 1 milhão e meio. Na última semana a fanpage de Haddad fez 155 publicações, enquanto Bolsonaro fez apenas 60. Ainda assim, apesar de ter feito muito menos publicações que seu concorrente, a página de Bolsonaro teve mais de 8 milhões de interações, seja de pessoas comentando, curtindo ou compartilhando. Enquanto isso Haddad teve pouco mais de 6 milhões de interações.

Fonte: Blog do Ronilson, Tecnblog, Facebook, BrasilDeFato, Poder360 e Antanogista. Imagem ilustrativa do https://jornalggn.com.br