Anúncio

Sebastião Tapajós recebe merecida homenagem por significativa trajetória na música amazônica

Violonista e compositor Sebastião Tapajós
O violonista e compositor Sebastião Tapajós, reconhecido como um dos músicos brasileiros mais consagrados no Brasil e no exterior, foi homenageado na noite de quarta-feira (30), no auditório da Casa da Cultura por sua significativa trajetória na cultura amazônica. Com o tema "Santarém do Tapajós: rio abaixo rio acima", o evento foi idealizado pelo grupo de amigos do artista e contou com o apoio da Prefeitura de Santarém, por intermédio da Secretaria Municipal de Cultura (Semc).

O tributo contou com a presença do Prefeito Nélio Aguiar, do secretário municipal de cultura, Luis Alberto Figueira e demais amigos do segmento artístico que interpretaram músicas e contaram estórias da vida artística de Sebastião. Na ocasião, Nélio Aguiar sancionou a lei municipal concedendo pensão vitalícia ao violonista. "Sebastião Tapajós é um ícone da cultura santarena, pois através do seu violão levou o nome de Santarém para o Brasil e o mundo inteiro. Fez várias apresentações na Europa e possui uma rica discografia. Hoje recebe esta homenagem de forma justa e merecida. Inclusive, nós sancionamos nesta oportunidade uma lei municipal concedendo ao Sebastião uma pensão vitalícia de três salários mínimos em reconhecimento por toda a sua história e riqueza cultural, bem como por todas as obras artísticas que fez ao longo de sua carreira", enfatizou.

O secretário municipal de cultura, Luis Alberto Figueira, prestigiou a homenagem e também deu seu parecer sobre a relevância do artista para a arte instrumental. "Sebastião Tapajós é um artista único, completo, não só porque interpreta belas músicas, mas também porque as compõe. É um ser humano humilde e de excelência. Nos sentimos muito felizes em poder reconhecer a virtude e a significância deste artista para a cultura santarena e de ter a oportunidade de fazer esta homenagem para ele que é o maior embaixador cultural de Santarém."

O homenageado, sempre em companhia de seu violão, considerou a noite como inesquecível e após tocar seus grandes sucessos falou sobre a honra de receber o agraciamento. "Me sinto muito feliz. É um prazer enorme. Essas lembranças são sempre bem-vindas."

O cantor Odilson Matos que interpretou a canção "Luar de Santarém" e contou saudosas estórias do amigo Sebastião, ressaltou os feitos do artista. "Ele é o ápice da cultura santarena, pois fez história também no exterior. E hoje, mesmo a duras penas ainda toca, enaltecendo a cultura musical da nossa terra. Que Deus lhe conceda ainda muitos anos para estar conosco tocando."

A noite de homenagens foi encerrada com a bateria do Bloco da Pulga interpretando samba enredo em consideração a figura de Sebastião Tapajós.

Um pouco da história de Sebastião Tapajós

Nascido no município de Alenquer, em 16 de abril de 1942, viveu em Santarém desde pequeno e posteriormente mudou-se para Belém onde passou a integrar o grupo de baile "Os mocorongos". Começou a tocar cedo com músicas voltadas para o regionalismo.

É talvez, o músico amazônico mais consagrado internacionalmente. Chegou a gravar oito discos em apenas três anos pelo selo do argentino Astor Piazzola. Apresentou-se inúmeras vezes na Europa, alcançando grande sucesso principalmente na Alemanha, onde gravou dezenas de discos. Possui uma discografia com mais de 50 discos. Realizou mais de 500 turnês por, pelo menos, 30 países.

Em 16 de maio de 2013 recebeu o título de doutor honoris pela Universidade do Estado do Pará (Uepa). Ainda no mesmo ano, em 11 de novembro de 2013, recebeu o título de doutor honoris pela Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa).

Em 2017 teve a música "Rei Solano" do disco "Aos da guitarrada" incluída na novela de horário nobre "A força do querer", da rede globo. Grande parte do legado artístico de Sebastião Tapajós está detalhado na obra "Sebastião Tapajós, 50 anos de vida artística", do organizador Cristovam Sena, publicado em 2013.

Fonte: Agência Santarém e Wikipédia

Postar um comentário

0 Comentários