Hacker do Anonymous pode pegar até 100 anos de prisão - Blog do Ronilson

Destaques

Home Top Ad

Post Top Ad

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Hacker do Anonymous pode pegar até 100 anos de prisão




O porta-voz do Anonymous, que foi preso em setembro do ano passado pelo FBI, pode pegar até 100 anos de prisão, segundo o Estado de S. Paulo. 





Barrett Brown, de 31 anos, é acusado de tentar atrapalhar a justiça. No ano passado, ele escondeu documentos e dados que estavam em dois notebooks.





Segundo seu advogado, o ativista pode pegar até 100 anos de prisão por fazer vídeos no YouTube, compartilhar o link e supostamente tentar esconder os computadores.





Está é a terceira rodada de acusações do governo do Texas contra ele.





Entenda o caso


Em 2012, já desconfiado de que estaria sendo investigado, Brown foi passar um tempo na casa da sua mãe. Segundo ele, a polícia fez uma varredura em seu apartamento, mas não conseguiu achar nada. O FBI procurava por dados que pertenciam à empresa de segurança HBGary, que foi hackeada por membros do Anonymous em 2011.





Após a varredura, Brown postou um vídeo no YouTube que falava sobre se vingar de um agente do FBI chamado Robert Smith. Ele chegou a divulgar dados pessoais do agente, como seu endereço, e disse que sua vida estava "arruinada".





Pouco depois, enquanto ele fazia um chat em vídeo com amigos, três agentes do FBI apareceram em sua casa e o levaram. Sua prisão foi transmitida ao vivo – e ele está na cadeia desde então.





Em dezembro, o ativista foi novamente acusado de hackear uma empresa de inteligência – desta vez, a Stratfor Global Intelligence. Ele foi acusado de ter acessado e compartilhado números de cartão de crédito que foram roubados na ação.





Fonte: Olhar Digital




Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Portal Blog do Ronilson, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad