Ministro do Trabalho, Carlos Lupi, declara o seu amor à presidente Dilma para evitar a perda do cargo - Blog do Ronilson

Destaques

Home Top Ad

Post Top Ad

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Ministro do Trabalho, Carlos Lupi, declara o seu amor à presidente Dilma para evitar a perda do cargo




O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, durante audiência em comissão
da Câmara nesta quinta (10). (Foto: Antonio Cruz/ABr).
O texto em destaque foi inserido para melhor ilustração à  postagem.

Após a revista VEJA ter publicado neste final de semana uma reportagem que apontou envolvimento de funcionários do Ministério do Trabalho em um suposto esquema de desvio de recursos de convênios com entidades privadas, o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, se viu "ameaçado", à perder o cargo da mesma forma que seis de seus companheiros (ministros da

Dilma) já perderam.





Para evitar que a presidente Dilma ajude a "derrubá-lo", o ministro usou o mesmo "truque" que eu usava quando eu aprontava e minha mãe vinha me corrigir. Nesta quinta feira em audiência na Comissão de Fiscalização e Controle da Câmara dos Deputados, Carlos Lupi (que pode ser o 7º ministro à cair) partiu para as declarações de amor e carinho carregadas de "humildade" , e disse:





“Presidente, desculpe se eu fui agressivo, não foi minha intenção, EU TE AMO, disse Lupi durante o depoimento aos deputados.




Este pedido de desculpas (que muito me faz lembrar a minha infância. Risos.) se refere ao fato do ministro ter dito que só sairia do cargo "abatido à bala", ( o que não seria tão difícil, só bastava ele ir pra Rocinha neste próximo domingo, 13/11/2011, quando a polícia vai ocupar a favela), no entanto, segundo informações do jornal "O Globo, esta declaração não soou bem aos ouvidos da presidente Dilma e esta deixou claro à Lupi "que ela é quem decide quem fica ou quem sai do governo." (Será mesmo? Tem certeza que os partido políticos da base não tem poder também?)




Logo, para não perder o cargo, o poder, o dinheiro e a fama, a melhor forma foi pedir desculpas e expôr os seus sentimentos carinhosos à presidente. Se esta moda pega hein? Vai ter tanta declaração de amor daqui pra frente que pode dar até casamento entre os "poderosos" do nosso país. Aliás, se o Dirceu e o Palocci soubessem desta história, talvez, poderiam não ter "perdido" seus cargos na época do governo Lula não é? Era só declarar: "Eu te amo presidente Lula". Risos.




Leia mais em: Lupi diz que ama presidente Dilma e pede desculpa por declarações



Fonte: G1

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Portal Blog do Ronilson, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad